Como montar um negócio de sopas e caldos  

0
32

Sopas e caldos são refeições delicadas e muito buscadas na Europa.  

No Brasil, há uma crescente demanda pelos produtos e começar um negócio pode ser a opção ideal. 

Durante o outono e inverno, a tendência é que as vendas aumentem de forma considerável. 

Como pontos positivos estão o público-alvo segmentado e a boa margem de lucro.  

Também, é um negócio facilmente escalável, podendo trabalhar na modalidade delivery, que tem trazido excelentes resultados. 

Afinal, sopas e caldos são o tipo de alimentos consumidos por todas as idades. 

Dicas para você montar um negócio de sopas e caldos

Ficou interessado em começar um negócio de sopas e caldos? 

Então aproveite este artigo porque nele eu vou falar sobre: 

  • Quanto custa montar um negócio de sopas e caldos 
  • Capital de giro 
  • Ganhos e margem de lucro 
  • Qual o valor do caldo? A importância do preço certo 
  • Receitas de caldos e sopas 
  • Quantos funcionários são necessários? 
  • Trabalhar ou não com delivery? 

Quanto custa montar um negócio de sopas e caldos 

Falar que você vai gastar exatamente 30.000 ou 60.000 reais para montar o seu negócio de sopas e caldos sem conhecer os detalhes do seu restaurante é impossível, afinal, desde os equipamentos da cozinha até a marca dos móveis vão influenciar na estrutura. 

Isso sem contar os gastos com capital de giro, que levam em consideração a quantidade de vendas e tempo de duração do estoque. 

Por isso eu posso trazer apenas uma estimativa, com dados obtidos de outros restaurantes de sopas e caldos. 

Use os dados que vou te apresentar para uma análise inicial, descobrir se o investimento aproximado está dentro do seu planejamento e se os ganhos alcançam o desejado.  

Você pode conferir as dicas para fazer um plano através deste link

O investimento inicial para montar o negócio de pequeno a médio porte ficou entre R$ 36.000 e R$ 40.000 reais.  

O valor foi usado assim: 

  • Gasto com estrutura, desde equipamentos e mobiliário até reformas, legalização, caução de aluguel e marketing: R$ 21 a R$ 22 mil reais. 
  • Capital de giro: R$ 16 mil reais, sendo R$ 7 mil reais de estoque inicial e R$ 9 mil reais de caixa mínimo. 

O capital de giro do seu negócio 

Calcular o capital de giro corretamente é fundamental no sucesso do negócio, caso contrário pode faltar recursos para manter o restaurante funcionando até a entrada dos pagamentos a prazo ou precisar diminuir na qualidade dos alimentos. 

O capital de giro leva em consideração o estoque inicial e o caixa mínimo. 

No entanto, levei em conta um estoque inicial que tem expectativa de duração de 8 dias e um prazo de reposição de 3 dias. Caso sejam alterados esses dados os valores também são outros. 

Já o caixa mínimo tem por base as despesas, e claro, o percentual das vendas a prazo e o tempo efetivo para o recebimento dos pagamentos. 

São números muitas vezes esquecidos e que acabam por fazer com que negócios sejam abertos já fadados ao fracasso. Portanto, tenha cuidado!!! 

O mapa mental e o plano de negócios  

Este é um bônus extra que resolvi te passar.  

Um plano de negócio é o que te conduz ao sucesso. Através dele você consegue reduzir os riscos e evitar possíveis erros.  

Além disso, o plano de negócios também é capaz de ajudar a sua empresa crescer.  

Deixo então este texto para você ler e entender o passo a passo de como fazer o seu plano de negócios e algumas dicas a mais.   

Tenho certeza absoluta de que vai ajudar.  

Deixo aqui o Mapa Mental completo para você baixar. No texto acima, você também vai entender por que deve fazer uso de seu mapa. 

Ganhos e margem de lucro do seu negócio de sopas e caldos 

O faturamento bruto do negócio de sopas e caldos girou na casa dos R$ 46.500 reais. 

Dessa forma, a margem de ganho líquido ficou próxima a 21%. 

Isso significa que o proprietário tem em caixa R$ 9.900 reais depois de pagar todas as despesas do negócio. 

Desse valor você deve retirar o pró-labore. 

Quer fazer seu próprio plano financeiro usando o simulador? 

Com ele você insere as características básicas do seu negócio e os cálculos são executados automaticamente.. 

Com isso são geradas informações detalhadas como as que vimos, além de telas com resumos e gráficos. Dentre elas: 

  • Investimento inicial 
  • Ganhos e margem de lucro 
  • Capital de giro 
  • Sugestão de enquadramento tributário 
  • Caldos e sopas mais rentáveis 
  • Despesas fixas e variáveis 
  • Ponto de equilíbrio 
  • Entre outras 

Também, pode utilizar a função de comparador de cenários para verificar alterações rápidas que impactam diretamente nos ganhos do negócio de sopas e caldos. 

Por exemplo, qual é o impacto nos ganhos se o custo dos produtos aumentarem em 10% e você não repassar este valor aos clientes?  

Ou se aumentar o preço em 10% e as vendas caírem 10%? Ainda vale a pena? E já adianto que sim! Verá que o ganho é superior a mil reais. 

Ao clicar neste link de acesso você pode conhecer e adquirir o simulador.

E melhor, de bônus vou deixar este plano disponível para você usar e adaptar… Corre aproveitar!  

Qual o valor do caldo? A importância do preço correto 

Formar o preço errado dos caldos e sopas pode comprometer o negócio. 

Veja, se cobrar pouco, pode conseguir muitos clientes e alta carga de trabalho, mas no final ver o caixa zerado, já que cobrirá os custos, isso se conseguir, mas não considerou o ganho líquido. 

Por outro lado, cobrar demais pode fazer com que os clientes não frequentem o restaurante e gere prejuízo. 

Então o que fazer? 

Por isso, a solução é precificar corretamente. 

Com o simulador você pode inserir a receita e o custo dos produtos, formar o preço base, e depois verificar pelo ponto de equilíbrio até chegar no preço ideal. 

O ponto de equilíbrio é o momento em que seu negócio está no zero a zero, ou seja, a partir dali você terá lucro. 

Sendo assim, o ponto de equilíbrio ficou em R$ 27.600 reais mensais ou R$ 1.300 reais por dia.  

O que faturar acima disso é lucro. Enfim, são necessárias 97 unidades de sopas e caldos vendidas para alcançar o ponto de equilíbrio diário. 

Assim, se considerarmos que o restaurante vende unicamente estes 97 caldos e sopas diariamente, o preço está baixo e precisa ser revisto.  

Aumentando, por exemplo, 3 reais no preço final, tem-se um lucro diário de quase R$ 300,00… O que significa no final do mês algo em torno de R$ 5.500 reais. 

Mas é evidente que esta foi uma demonstração simplória… Com o simulador você pode formar o preço com calma e levando em consideração os mínimos detalhes. 

Uma dica! 

Use o preço dos concorrentes como uma forma de balizador, mas não se prenda, você pode cobrar mais caro, desde que tenha diferenciais competitivos para isso. 

Eu não tenho como lhe dar um valor fixo para cobrar, tanto porque deve levar em consideração as características do seu negócio, por exemplo, despesas e estrutura, como pelo fato de que a própria receita vai gerar um custo diferente e consequentemente outro preço final. 

Claro que um caldo de ervilha terá preço diferente do que um que leva frutos do mar. 

Apenas para se ter uma noção de preços, os caldos costumam variar entre R$ 18,00 a R$ 24,00 reais a porção média e R$ 27,00 a R$ 36,00 reais a porção grande. 

Fornecedores para os caldos e sopas 

Eu vou deixar logo abaixo um pdf para baixar com fornecedores para você se inspirar e montar o seu negócio. Espero que ajude! 

 

Quantos funcionários são necessários? 

Para um restaurante de pequeno a médio porte foram necessárias 6 pessoas, sendo elas: 

  • 1 caixa, podendo ser o proprietário 
  • 1 cozinheiro 
  • 1 auxiliar de cozinha 
  • 2 atendentes 
  • 1 auxiliar de serviços gerais 

Trabalhar ou não com delivery? 

A venda de caldos e sopas na modalidade delivery estão cada vez mais frequentes, tanto por aumentar os ganhos com pouco investimento quanto pela demanda crescente dos consumidores. 

Para decidir se vale ou não a pena oferecer os produtos na modalidade delivery você deve fazer um estudo de mercado e verificar as suas despesas extras….  

No geral, costuma ser uma boa ideia. 

Sendo assim, no momento da decisão considere fatores como: 

  • Gasto com motoboy ou uso de aplicativos de delivery 
  • Tempo despendido com pedidos e preparação 
  • Necessidade de contratar funcionário para não perder a qualidade do serviço local
  • Então, o que achou das dicas para montar o seu negócio de sopas e caldos? Espero ter ajudado. 

Compartilhe este artigo com todos aqueles que você sabe que tem o mesmo interesse que você. 

Deseja montar o seu negócio do zero, mas não sabe por onde começar? 

Não se preocupe, basta deixar um recado aqui nos comentários ou entrar em contato comigo. Eu te ajudo! 

Um forte abraço e até breve. 

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here