Como montar uma casa de massas 

0
53

Já reparou como uma casa de massas é uma ótima escolha naqueles dias em que não se sabe onde comer? 

Sendo assim, ele pode ser o negócio perfeito, com alta margem de ganho e um público consolidado devido ao vasto público que gosta do prato. 

Também, como há diferentes tipos de massas, preparos e sabores, é possível agradar a quase todos, sem contar que muitos pratos têm baixo custo se comparado com o preço de venda. 

Sem contar que você ainda pode oferecer alguns tipos de sobremesa e até vinhos para acompanhar. 

Dessa forma, você ainda pode aumentar a margem do seu faturamento e, claro, conquistar os seus clientes. 

Dicas para você montar a sua própria casa de massa

Está pensando em abrir uma casa de massas na sua cidade?  

Então este artigo é para você, pois nele eu vou falar sobre: 

  • Investimento 
  • Capital de giro 
  • Faturamento e margem de lucro em um restaurante de massas 
  • O que é necessário para montar uma casa de massas? Espaço e cozinha 
  • Dicas de cardápio de massas 
  • Cuidados para formar o preço 
  • Quantos funcionários são necessários? 

Quanto custa abrir uma casa de massas 

No entanto, eu não posso falar que você vai gastar exatamente 50 ou 200 mil reais para abrir a sua casa de massas sem conhecer os mínimos detalhes da sua ideia. 

Quantos funcionários serão? Qual é a expectativa de vendas e faturamento? O estoque é para quantos dias? E o tempo de reposição? Qual é a expectativa de despesas? Você vai comprar móveis novos ou usados? 

Perceba que há variáveis. 

Por isso, o que eu posso fazer é lhe trazer uma estimativa de com quanto é possível iniciar um restaurante de massas e a partir disso você fazer uma análise prévia se atende ou não as suas expectativas…   

Depois disso, sugiro que faça o seu próprio plano financeiro. 

Clique aqui e saiba as dicas exclusivas para fazer um plano financeiro do zero.

Para chegar aos números que vou te passar eu criei um plano financeiro completo. 

As características básicas da casa de massas do exemplo foram: 

  • Despesas: R$ 17 mil reais 
  • Faturamento bruto: R$ 65 a R$ 66 mil reais 
  • Porte médio 
  • Estoque para 20 dias e 4 dias de reposição 
  • 40% das vendas a prazo 

O investimento inicial ficou entre R$ 115 e R$ 117 mil reais, usados assim: 

  • Estrutura da cozinha: R$ 23 a R$ 24 mil reais 
  • Mobiliário: R$ 32 mil reais 
  • Outros gastos como reforma, impressora fiscal, legalização, caução de aluguel, fachada e marketing: R$ 14 a R$ 15 mil reais 
  • Capital de giro: R$ 44 a R$ 45 mil reais, sendo R$ 21.500 a R$ 22 mil reais de estoque inicial e R$ 23 a R$ 23.500 reais de caixa mínimo. 

Uma dica! 

Perceba que aproximadamente 40% do investimento está atrelado ao capital de giro, por isso a necessidade de dar atenção especial ao calcular. 

Mas saiba que alterar dados simples como o prazo de reposição do estoque ou até mesmo a quantidade de vendas a prazo vão impactar nos valores. 

O mapa mental e o plano de negócios  

Este é um bônus extra que resolvi te passar.  

Um plano de negócio é o que te conduz ao sucesso. Através dele você consegue reduzir os riscos e evitar possíveis erros.  

Além disso, o plano de negócios também é capaz de ajudar a sua empresa crescer.  

Deixo então este texto para você ler e entender o passo a passo de como fazer o seu plano de negócios e algumas dicas a mais.   

Tenho certeza absoluta de que vai ajudar.  

Deixo aqui o Mapa Mental completo para você baixar. No texto acima, você também vai entender por que deve fazer uso de seu mapa. 

Faturamento e margem de lucro em um restaurante de massas 

O faturamento bruto foi de R$ 65.500 reais.  

A margem de ganho líquido, no entanto, alcançou 24,4%. 

Assim, o proprietário tem em caixa cerca de R$ 16 mil reais depois de pagar todas as despesas do negócio.  

Considerei 2 garçons, contudo, dependendo do público pode ser necessária a contratação de mais um colaborador. O que diminui um pouco o ganho final, cerca de R$ 2 mil reais. 

Quer fazer o seu próprio plano financeiro usando este mesmo simulador que eu usei? 

Com ele você insere as características da empresa e os cálculos são executados automaticamente.. 

Ao final, além de todas as informações que vimos, você encontra uma tela com resumos e gráficos, dentre eles: 

  • Investimento inicial 
  • Ganhos e margem de lucro 
  • Capital de giro 
  • Sugestão de enquadramento tributário 
  • Caldos e sopas mais rentáveis 
  • Despesas fixas e variáveis 
  • Ponto de equilíbrio 
  • Entre outras 

Contudo, deixei a função de comparar cenários para verificar alterações rápidas que impactam diretamente nos ganhos do restaurante de massas. 

Por exemplo, qual é o impacto nos ganhos se você aumentar em 10% o preço dos pratos? E se com isso perder 20% dos clientes, ainda vale a pena? Ou se o custo dos produtos subir 5% e não repassar aos clientes, quanto o seu negócio perde? 

Ao clicar aqui você acessa um vídeo onde pode conhecer e adquirir o simulador.  

E melhor, de bônus eu vou deixar este plano da casa de massas para você usar e adaptar… Corre aproveitar!  

O que é necessário para montar uma casa de massas? Espaço e cozinha 

A estrutura para começar uma casa de massas exige um espaço superior à 130 m², dividido em caixa, copa, pista, banheiro, estoque e cozinha. 

Você vai precisar de cadeiras, mesas, balcões, balcão caixa e climatizadores. 

Mas para a cozinha você vai precisar de equipamentos de qualidade e a nível profissional para atender a demanda e manter a padronização dos pratos, dentre eles: 

  • Sovadeira 
  • Cilindro 
  • Máquina de fazer e cortar massa 
  • Freezer 
  • Geladeira 
  • Fogão industrial 
  • Utensílios 
  • Liquidificador 
  • Entre outros 

Dicas de cardápio para a casa de massas 

Quando o assunto é restaurante e casa de massas é comum a dúvida sobre o que vender, quais massas devem ter no cardápio? 

Por se tratar de uma cozinha especializada em massas, é importante contar com opções diversas, até mesmo porque muitos clientes vão ao estabelecimento para experimentar uma comida diferente. 

Ao mesmo tempo, você precisa ter pratos simples e frequentemente pedidos. 

Dentre as opções que podem ser inseridas são: 

  • Canelloni 
  • Ravioli 
  • Cappeletti 
  • Macarrão 
  • Sofiatelli 
  • Nhoque 

E claro, crie combinações de sabores! 

Uma boa dica é conferir outros estabelecimentos e ver quais pratos tem mais saída, assim você tem uma ideia do que provavelmente seu público-alvo vai desejar. 

Cuidados para formar o preço 

É comum erros na formação no preço, mas leve em consideração a média de despesas e o que os concorrentes estão cobrando. 

Sendo assim, o preço deve considerar outros fatores, inclusive a sua retirada. 

O ideal é usar o ponto de equilíbrio e verificar o quanto pode ajustar os preços até chegar aos ganhos desejados e que, ao mesmo tempo, estejam aceitáveis para os clientes. 

Lembre-se, o preço da concorrência é um mero indicativo, e não há garantias de que não estejam precificando errado e levando o negócio à falência em curto a médio prazo. 

Fornecedores para a sua casa de massa 

Logo abaixo vou deixar um pdf para que você possa fazer suas buscas iniciais de fornecedores. Aproveite! 

Quantos funcionários são necessários? 

Na casa de massas do plano financeiro houve a contratação de 7 funcionários e o proprietário na função de caixa…  

Os colaboradores foram: 

– 1 cozinheiro 

– 2 auxiliares de cozinha 

– 2 garçons 

– 1 auxiliar de serviços gerais 

– 1 auxiliar de limpeza 

Então, o que achou das dicas para montar a sua casa de massas e começar a faturar aí na sua cidade? 

Espero ter ajudado. 

Mas se você deseja montar o seu próprio negócio do zero e ainda não fez isso porque não sabe por onde começar, eu te ajudo. 

Para isso, basta deixar um recado logo abaixo ou então entrar em contato comigo

Um forte abraço e até breve! 

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here