Como Montar uma Pizzaria

0
70

Valor do investimento, capital de giro necessário escolha da localização e mais: três dicas para aumentar o lucro da sua pizzaria. Quer descobrir tudo isso?

Então fique comigo até o final deste post e conheça ainda uma ferramenta exclusiva. Com ela, você pode fazer todo o planejamento do seu negócio.

A partir de agora, vamos direto para as dicas de como montar uma pizzaria de sucesso!

Montar uma pizzaria pode ser um excelente negócio devido à boa aceitação do produto e à margem de lucro.

Você está pensando em abrir a sua? Tire suas dúvidas e descubra:

  • Público-alvo da pizzaria
  • Melhor localização para pizzarias
  • Espaço e estrutura
  • Equipamentos necessários
  • Investimento
  • Faturamento
  • E muito mais…

Aproveite e já deixe o seu like! Compartilhe este conteúdo com outras pessoas que procuram dicas de negócios com alto potencial de sucesso para abrir.

Público-alvo da pizzaria

O público-alvo é aquele que provavelmente consumirá o seu produto. Conhecê-lo é fundamental para o sucesso da sua pizzaria.

Tome cuidado, pois o seu público-alvo não é o mesmo que o da pizzaria vizinha!

Existem diferentes tipos de pizzarias e cada uma delas tem o seu próprio público. Por exemplo:

  • Gourmet
  • Classe C e D
  • Rodízio
  • Delivery
  • Pizzas pré-assadas
  • Self-service
  • Drive-thru de pizzas

Por isso, faça um estudo para descobrir quem será seu potencial cliente e se existe demanda pelo produto na região. Essa análise pode indicar qual é o melhor tipo de pizzaria para abrir.

Localização para pizzarias

A localização da pizzaria também está atrelada ao público-alvo.

Uma pizzaria gourmet ou de rodízio precisa estar localizada na região central ou, no máximo, a algumas quadras de distância. Lembre-se: é importante ter estacionamento!

Se a pizzaria for delivery, a localização não é um fator decisivo devido à entrega. Contudo, você terá que reservar um valor maior para marketing e publicidade.

Claro, se você encontrar um ponto comercial em um local com alto fluxo de pessoas, no centro, com estacionamento e que caiba no seu plano financeiro, essa será a melhor opção.

Estrutura da pizzaria

A pizzaria é um negócio de médio a grande porte. Sendo assim, precisa de bastante espaço – no mínimo 120 m² – dividido em:

  • Estoque
  • Cozinha
  • Local de espera
  • Estacionamento
  • Salão

Por outro lado, se a pizzaria for apenas delivery, o espaço pode ser bem menor. Afinal, não há atendimento a clientes ou consumo no local.

Equipamentos para pizzaria

A pizzaria exige uma série de equipamentos e mobiliário, dentre eles:

  • Forno de pizza (preferencialmente de pedra e à lenha – o sabor é diferenciado!);
  • Masseira;
  • Fogão industrial;
  • Máquina para abrir massa de pizza;
  • Freezer;
  • Balanças eletrônicas;
  • Sistema exaustor;
  • Utensílios de cozinha;
  • Entre outros.

Quer saber o valor total gasto com equipamentos? Falaremos a seguir, na parte de investimento para abrir uma pizzaria, não se preocupe!

Quanto custa montar uma pizzaria?

Falar que você gastará X, Y ou Z sem conhecer os dados reais e as características da sua pizzaria é uma espécie de “palpite”. Uma mera estimativa que não poderia ser usada como base sólida para investir seu dinheiro e começar um negócio.

Por isso, os números que trouxemos aqui são valores aproximados. Eles servem para você ter uma ideia se o negócio pode ser ou não uma boa opção para sua realidade.

Antes abrir a sua pizzaria, faça uma análise detalhada e um plano financeiro. Não sabe por onde começar? Aqui tem um vídeo mostrando como planejar uma empresa no ramo de alimentação. Espero que você goste!

Para montar uma pizzaria de médio porte, o investimento varia entre 90 e 130 mil reais, dividido da seguinte forma:

Estrutura

Abrange uma reforma básica no ponto comercial para adaptação da pizzaria. Ou seja, uma pintura adequada, mobiliário, objetos de decoração, fachada, entre outros detalhes.

Sem “abusar” e tudo de forma simples, o valor médio é de 25 a 40 mil reais.

Equipamentos

Para adquirir todos os equipamentos básicos e iniciar uma pizzaria, a estimativa de custo varia entre 45 e 60 mil reais. Se os itens forem usados, esse valor pode cair em até 40%.

Capital de Giro

O valor de capital de giro depende de alguns fatores. São eles: prazo de recebimento das vendas, prazo de pagamento de fornecedores e o caixa mínimo do negócio.

No geral, reserva-se entre 10 e 15% de capital de giro do valor do investimento, mas é um erro.

Em nossa situação hipotética, o capital de giro médio foi de 34 mil reais, apurado no Simulador. Isso já incluindo o estoque para começar a pizzaria.

Quer saber com exatidão e evitar erros nos cálculos do investimento e distribuição dos valores para montar sua pizzaria? Você pode utilizar nosso Simulador de Negócios.

Nele, você insere os dados e os cálculos são realizados automaticamente e de forma interativa. Ele fornece números, gráficos e sugestões, por exemplo, do melhor enquadramento empresarial e tributário.

Lá, você também descobre qual é o valor do investimento para o seu tipo de pizzaria, o capital de giro necessário e quanto é possível lucrar no negócio.

Quanto vende uma pizzaria?

As vendas são o ponto principal da pizzaria, afinal, é a partir delas que entra dinheiro no caixa. Um estabelecimento de pizzas pode vender desde 20 mil reais até mais de 100 mil por mês.

Para estimar as vendas, é preciso decidir o tipo de pizzaria que você vai montar. Além disso, conhecer a região escolhida, avaliar a concorrência e definir uma estratégia de preços é essencial.

Dica: No plano financeiro, você deve descobrir quantas pizzas vender para ficar no ZERO a ZERO. Isso é o que chamamos de ponto de equilíbrio, para a partir daí começar a lucrar.

Precisa de ajuda? Nosso Simulador calcula o ponto de equilíbrio automaticamente. Basta preencher os espaços vazios com os dados do seu negócio.

Gastos

Eles interferem diretamente no lucro do negócio. Se as suas despesas são absurdamente altas, o seu estabelecimento gerará pouco dinheiro. Mesmo que sua pizzaria seja um sucesso de vendas, já que seu ganho líquido é o faturamento menos os gastos.

Preço das pizzas

No preço do produto estará a margem de lucro. A formação do preço deve levar em consideração:

  • Público-alvo
  • Custo de produção
  • Colaboradores
  • Encargos sociais
  • Pró-labore
  • Aluguel
  • Taxa de entrega

Você também precisa considerar demais gastos da pizzaria e quanto você quer lucrar. Percebeu que se trata de um cálculo complexo?

É comum empresários despreparados errarem nesse ponto. E sinceramente, acertar nele é crucial para o sucesso.

Um preço errôneo pode levar sua pizzaria à falência.

Se ele estiver abaixo do correto, não terá lucro. Se ficar acima, os clientes considerarão alto demais e a empresa não atingirá as expectativas de venda.

No Simulador de Negócios, você pode inserir a ficha técnica da pizza. Assim, é possível descobrir o custo exato de cada receita e precificar de acordo, maximizando o lucro por sabor.

Qual é a média de ganho líquido?

Por fim, a média de ganho líquido varia entre 14 e 20 mil reais. Isso para uma pizzaria de médio porte tradicional, com aproximadamente 120m², que trabalha com a la carte e rodízio.

Lembre-se que essa é apenas uma estimativa. Para tomar a decisão de investir ou não o seu capital, faça um plano financeiro e simule os mínimos detalhes.

Não invista no escuro! Você pode perder dinheiro e colocar o bem-estar das pessoas que você gosta em risco.

3 dicas para lucrar mais na pizzaria

1. Evite sobras de comida

A sobra de comida representa um alto custo nas pizzarias, principalmente nos rodízios. No entanto, ela pode ser diminuída com um pouco de “bom senso” dos clientes.

Uma sugestão é inserir a informação de que, em caso de sobra de pizzas no prato, será cobrado um valor extra. Isso pode ajudar.

2. Gestão de funcionários

Pizzarias são conhecidas por ter muitos funcionários e não é para menos. No quadro estão:

  • Pizzaiolo
  • Auxiliares de cozinha
  • Assadores
  • Garçons
  • Caixa
  • Barman
  • Recepcionista
  • Entregadores
  • Auxiliar de limpeza
  • Entre outros

Em meio a tantos colaboradores, é comum não os aproveitar com eficiência. Ou seja, deixar um ou outro parado. Assim, contrata-se mais do que o necessário e aumenta-se o custo do negócio.

Mantenha a sua atenção em otimizar ao máximo a rotina dos seus colaboradores. Dependendo do caso e do porte da pizzaria, você consegue reduzir o quadro em até 3 funcionários.

Fazer a contratação de colaboradores temporários, somente em épocas ou dias de grande movimento, também diminui os gastos.

3. Selecione as melhores receitas

Saiba exatamente quanto custa cada sabor de pizza produzida. Dessa forma, você pode selecionar as receitas que mais vendem e são mais econômicas, aumentando o lucro da pizzaria.

E aí, tá pronto para montar sua pizzaria?

Montar uma pizzaria é um bom negócio?

Pode ser um ótimo negócio. Tudo vai depender de três fatores: você, o mercado local e os números da pizzaria.

Primeiramente, quanto você está alinhado com o negócio? Por exemplo, você se importa de trabalhar à noite e nos finais de semana? Sua família o apoiaria nessa jornada?

Depois, o mercado local é favorável? Como estão as outras pizzarias da região? Se elas estão indo bem, já é um ótimo começo.

Por fim, de acordo com o tipo de pizzaria que você deseja montar, quais são os números? Valor do aluguel, quantidade de funcionários, sua retirada mensal, entre outros. Quantas pizzas você vai precisar vender para começar a ter lucro?

São muitas questões a serem respondidas, certo? Então tenha um plano antes de montar a sua pizzaria. Assim, você aumenta bastante as suas chances de sucesso.

Gosta de conteúdo sobre criação de negócios, gestão e mentalidade empreendedora? Continue acompanhando o nosso conteúdo também nas redes sociais.

Se você puder, deixe nos comentários: qual é a sua principal dúvida ou dificuldade para iniciar a sua pizzaria?

Um forte abraço e até breve!

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here