Como Montar uma Empresa de Limpeza

0
119

Escolha da localização, investimento necessário e três maneiras para conseguir os primeiros clientes para sua empresa de limpeza.

Fique comigo para descobrir tudo isso! E ainda: conheça uma ferramenta que você pode usar para planejar a sua empresa de serviços de limpeza. Mesmo se você não tem experiência em negócios!

Prestar serviços de limpeza e conservação de ambientes pode ser uma excelente forma de ganhar dinheiro com um negócio lucrativo.

Com a possibilidade de atuar tanto em residências e prédios quanto em obras e comércios, é um segmento que está crescendo.

Ficou interessado?

Então fique conosco e leia este post até o final. Você vai tirar todas as suas dúvidas sobre como montar uma empresa de limpeza.

Falaremos sobre:

  • Vantagens
  • Concorrência
  • Localização
  • Espaço e Estrutura
  • Equipamentos e móveis
  • Investimento inicial
  • Faturamento
  • Dicas de sucesso

Vamos começar?

Vantagens dos Serviços de Limpeza

Separei quatro motivos pelos quais montar uma empresa de serviços de limpeza pode ser um bom negócio:

  1. Mercado em crescimento;
  2. Alta demanda pelo serviço;
  3. Baixa concorrência;
  4. Baixo nível de especialização para iniciar.

Em outras palavras, com estudo de mercado e boa administração, uma empresa de limpeza tem tudo para dar certo.

Concorrência de Empresas de Limpeza

A concorrência do setor é moderada, com uma média de um ou dois concorrentes para cada 50 mil habitantes. Estamos falando de empresas especializadas em serviços de limpeza e conservação.

Seu negócio também disputará mercado com prestadores de serviços autônomos, como diaristas.

No geral, é um mercado bom, com ótimos ganhos e relativamente fácil de entrar. Contudo, o famoso “preço baixo” é muito explorado.

Para evitar isso, você pode se especializar em áreas que não sejam reféns do baixo preço, por exemplo, limpeza pós-obra.

Duas dicas para precificar Serviços de Limpeza

Não sabe como definir o preço dos serviços de limpeza que vai prestar? Então preste atenção nas duas dicas a seguir.

Dica número 1

Uma empresa de serviços de limpeza tem custos fixos elevados. Por isso, antes de colocar preços nos serviços, é preciso ter todos os custos na ponta do lápis.

Saiba quanto precisará gastar com funcionários, aluguel e quanto será sua retirada de pró-labore.

Depois, baseado em todos as despesas e na margem de lucro desejada, precifique.

Se os preços estiverem mais “caros”, comparado ao dos concorrentes, crie diferenciais competitivos. Dessa forma, os clientes aceitarão pagar um pouco a mais em troca de benefícios e qualidade superior.

Dica número 2

Evite entrar no mercado com preços inferiores aos dos concorrentes. Alguns deles reagem abaixando valores também, o que pode causar uma guerra de preços e todo mundo sair perdendo.

Prefira se posicionar com diferenciais e não com preços baixos.

Localização da Empresa de Limpeza

A localização desse tipo de negócio não é decisiva. Raramente um cliente procura pelo serviço “andando pelo centro”.

O que normalmente acontece é a busca em Google, redes sociais ou listas telefônicas (sim, acredite, algumas pessoas ainda usam lista telefônica).

Portanto, montar a empresa mais afastada da região central pode ser uma boa ideia.

Ao fazer isso, você consegue economizar no aluguel e investir esse capital recorrente em outra área, por exemplo, no marketing. Aumentar a divulgação trará mais clientes.

Cinco tipos de Empresas de Limpeza

Com base no cliente final, podemos dividir as empresas de limpeza em diferentes tipos ou modalidades, sendo os mais comuns:

  • Limpeza residencial;
  • Limpeza de condomínios;
  • Limpeza pós-obra;
  • Limpeza de estabelecimentos comerciais;
  • Limpeza em ambientes públicos (parques, por exemplo).

Estude a sua região para descobrir qual das áreas é a melhor opção para trabalhar e se existem clientes.

Vale lembrar que o investimento inicial e os custos do negócio variam de uma modalidade para outra.

Espaço e Estrutura

Uma empresa de limpeza precisa armazenar equipamentos, roupas e dezenas de materiais e produtos. Por isso, o ideal é que a peça comercial tenha uma metragem mínima de 90 m².

Essa estrutura é dividida em:

  • Recepção;
  • Setor administrativo;
  • Estoque;
  • Vestiários.

Dependendo do tráfego de clientes que espera receber, pode ser interessante montar um estacionamento.

Equipamentos e Móveis

Equipamentos para desempenhar as atividades e móveis confortáveis, principalmente na recepção, são indispensáveis.

Você precisa tomar cuidado para acertar na escolha e ao mesmo tempo evitar gastos desnecessários. Seja com equipamentos que não utilizará ou até mesmo com móveis caros sem necessidade.

Faça uma boa análise. Inclusive, verifique a viabilidade de comprar itens usados. Muitas vezes os itens estarão em perfeito estado e é possível economizar até 40%.

Dentre os móveis e equipamentos estão:

  • Balcão de atendimento;
  • Cadeiras;
  • Armários organizadores;
  • Computador;
  • Lavadoras de alta pressão;
  • Aspirador de janelas;
  • Varredeiras;
  • Extratoras;
  • Enceradeira;
  • Luvas;
  • Balde Espremedor;
  • Carrinho de limpeza;
  • E muitos outros!

Funcionários da Empresa de Limpeza

Afinal, quantos funcionários são necessários para abrir uma empresa de limpeza?

Isso dependerá do porte do seu negócio.

Uma empresa de limpeza pequena pode funcionar com quatro funcionários. Desses, três serão responsáveis pela prestação do serviço aos clientes. Já o outro fará o atendimento e o caixa na empresa.

O ideal é começar com o mínimo de funcionários e expandir à medida em que aumenta a clientela.

Investimento Inicial

Falar o valor exato que você gastará sem conhecer todos os dados do seu negócio é impossível. Justamente em razão das variáveis.

Por exemplo:

  • Quantos clientes espera atender? (Isso impactará no valor do capital de giro e no gasto com equipamentos)
  • A estrutura precisa de adaptação?
  • Os equipamentos serão novos ou usados?

Esses são apenas alguns, entre tantos outros.

Mas sabemos que você precisa de uma ideia do valor para analisar se está dentro do seu planejamento financeiro. Por isso, usei nosso Simulador de Negócios para trazer uma estimativa aproximada.

Atenção! É apenas uma estimativa de investimento e pode variar para mais ou menos. Portanto, faça seu próprio plano financeiro.

O investimento médio para montar uma empresa de limpeza de pequeno porte residencial e de condomínios varia entre 50 e 75 mil reais. Já para empresas de limpeza especializadas em pós-obra, o valor é de 80 a 110 mil reais.

Para chegar a esse valor, levamos em consideração os investimentos que falaremos agora.

Adaptação de estrutura

Para fazer a adequação da peça comercial, por exemplo, pintura, decoração simples, climatização (ao menos na recepção), entre outras, o investimento varia entre 6 e 8 mil reais.

Esse valor não muda quando se trata da limpeza de residências e condomínios ou pós-obra.

Móveis e equipamentos

A média de valores gastos com mobiliário e equipamentos em uma empresa de limpeza residencial ou de estabelecimentos é de 20 a 40 mil reais.

Já na modalidade pós-obra, o investimento varia entre 40 e 70 mil reais.

Estoque inicial

Cuidado com a ideia de que o estoque inicial inclui apenas os produtos de limpeza.

Há muitos acessórios de equipamentos e é justamente isso que soma a maior parte do investimento. Filtros de papel para aspiradores, por exemplo.

O valor desse estoque inicial varia de 6 a 8 mil reais.

Capital de giro

O capital de giro é uma reserva financeira para arcar com as despesas operacionais até que a empresa alcance a lucratividade necessária.

É muito comum novos empreendedores separarem entre 10% e 15% do investimento total para o capital de giro. No entanto, é um erro. Esse valor varia de acordo com outros fatores.

Em nosso cálculo, a média é de 14 mil reais de capital de giro.

Faturamento

Estima-se que os ganhos líquidos da empresa de limpeza residencial ou de estabelecimentos comerciais variem entre 12 e 16 mil reais.

Enquanto isso, no setor de limpeza pós-obra, os ganhos costumam variar entre 15 e 20 mil reais.

Como dissemos, estes números são estimativas.

Para saber ao certo quanto você precisará investir, qual é a lucratividade, o capital de giro necessário e quantos serviços terá de prestar por mês para ter lucro, você deve fazer seu próprio plano financeiro.

Dicas para conseguir mais clientes

Como atrair mais pessoas para a sua empresa de limpeza? Conquistar clientes passa pelo marketing. Quanto mais você conhecer o seu público-alvo, mais eficiência terão as suas ações.

Para empresas de limpeza, as estratégias de publicidade com melhores resultados são:

  • Visita direta para divulgar o negócio;
  • Publicações em redes sociais;
  • Panfletagem focada no público alvo.

Além disso, foque em prestar um bom atendimento ao cliente. Tire todas as dúvidas e, acima de tudo, seja pontual com a prestação do serviço. Se prometer uma data, cumpra!

Montar uma empresa de limpeza é um bom negócio?

Pode ser um ótimo negócio. No final, o que vai determinar o sucesso da sua empresa de serviços de limpeza é a sua aptidão, o mercado local e os números do negócio.

Faça um plano financeiro e descubra se os números de investimento, lucratividade e vendas são favoráveis.

Descubra também quantos serviços você vai precisar realizar para pagar todos os custos fixos e começar a ter lucro. Assim, você diminui bastante os riscos.

Se você gostou do nosso conteúdo, deixe o seu like. Acompanhe os nossos posts sobre criação de negócios, gestão e mentalidade empreendedora.

Se precisar de ajuda para montar sua empresa de limpeza, escreva um comentário ou entre em contato.

Um forte abraço e até breve!

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here