Como Montar uma Loja de Materiais de Construção

0
82

Valor do investimento e do estoque inicial, escolha da localização, lista de fornecedores e uma dica para aumentar as vendas. Quer descobrir como montar uma loja de materiais de construção?

Então fique comigo comigo até o final deste post para descobrir tudo isso! Também vamos apresentar uma ferramenta que pode ajudar você a planejar o próprio negócio.

Qual é a sua principal dúvida ou dificuldade para abrir uma loja de materiais de construção? Aproveite e já responda nos comentários.

A partir de agora vamos direto para as dicas de como iniciar uma loja de sucesso.

Montar uma loja de materiais de construção pode ser uma boa escolha de negócio. Se bem administrado e precedido de um estudo do mercado local e de um bom plano financeiro, tem ótimas chances de sucesso.

Segundo pesquisa realizada pelo SEBRAE, mais de 80% das empresas do segmento estão consolidadas no mercado há mais de 10 anos. Isso demonstra a estabilidade de ganhos no ramo.

Ficou interessado?

Veja neste post tudo que você precisa para montar uma loja de materiais de construção e tire suas dúvidas sobre:

  • Concorrência e mercado
  • Melhor Localização
  • Produtos que mais vendem
  • Estrutura e equipamentos
  • Fornecedores
  • Funcionários
  • Investimento inicial
  • Faturamento
  • E muito mais!

Preparado para começar? Vamos lá!

Concorrência e mercado

É importante conhecer a situação do mercado na sua região antes de tirar a ideia do papel.

Você terá basicamente dois tipos de concorrentes: as lojas de materiais de construção de bairro e as grandes lojas.

As lojas de bairro normalmente atendem a localidade e as proximidades. É com elas que você mais precisa tomar cuidado no momento de escolher o ponto do negócio.

Priorize bairros que ainda não possuam uma loja. Caso já exista, é provável que não tenha espaço para mais uma.

As grandes lojas de materiais de construção, por sua vez, merecem atenção especial em razão da oferta de preços melhores.

A boa notícia é que você pode favorecer sua empresa buscando a fidelização de clientes com atendimento e serviços personalizados. E isso não é tão difícil quanto parece!

Quer um exemplo? É possível entregar pedidos com mais rapidez, uma vez que sua loja está próxima do cliente, sem necessidade de programar. Essa é uma vantagem sobre as grandes lojas.

Diferenciais competitivos ajudam a vencer a concorrência de lojas de materiais de construção, além de gerar bons lucros. Lembre-se disso!

Localização da Loja de Materiais de Construção

Dê preferência a montar sua loja de materiais de construção em bairros residenciais e de fácil acesso. Certifique-se também de que haja espaço para estacionamento.

Assim, você aumentará as chances de conseguir novos clientes rapidamente. Melhor ainda: evitará uma concorrência tão direta com as grandes lojas nas regiões centrais.

Outra dica é tentar abrir seu estabelecimento em bairros novos. Eles são uma boa oportunidade, pois costumam ter prédios e casas recém-construídos ou em construção. Ou seja, mais potencial para conquistar os primeiros consumidores!

É claro que, antes de decidir, você deve fazer o plano financeiro da sua loja de materiais de construção. Ele vai indicar se é possível lucrar com a quantidade de clientes na região escolhida.

O que vender em uma Loja de Materiais para Construção?

Defina os produtos de acordo com a demanda dos clientes e a oferta dos concorrentes.

Você pode optar por oferecer itens para reformas simples ou materiais para construções complexas.

No entanto, existem produtos básicos que são procurados com frequência e não podem faltar na sua loja, por exemplo:

  • Argamassa;
  • Material para Banheiro;
  • Caixas d’água;
  • Colas, silicones e vedantes;
  • Impermeabilizantes;
  • Material de Jardim;
  • Material de Pintura;
  • Material Elétrico;
  • Material Hidráulico;
  • Rejunte;
  • Revestimentos;
  • Telhas;
  • Tubos e conexões;
  • Entre outros.

Estrutura e equipamentos da loja

A área mínima necessária para abrir uma loja de material de construção é de aproximadamente 100m².

A estrutura pode ser simples, mas deve ser bem planejada. Ela precisa oferecer mobilidade aos funcionários e clientes, além de possibilitar uma boa organização e a fácil exposição das mercadorias.

Cortesias aos clientes são bem recebidas, como um espaço de café, chá, água e biscoitos.

Cada ambiente da loja de materiais de construção precisará de equipamentos específicos.

O showroom, área de exposição dos produtos, deve ter prateleiras ou gôndolas, pallets expositores, balcões para entrega dos produtos e caixa.

Já o escritório deve conter mesa, cadeiras, armários para documentos administrativos, computador, impressora e telefone.

No depósito, é importante instalar prateleiras ou estantes de aço, além de pallets para material pesado.

Fornecedores da Loja de Materiais de Construção

Mantenha uma lista atualizada com fornecedores de confiança.

Prefira aqueles que cumprem prazos e oferecem os melhores produtos e preços. Feiras e eventos do ramo são ótimas oportunidades para fazer novos contatos e negócios.

Funcionários da Loja de Materiais de Construção

Comece com uma equipe reduzida. Para uma loja de pequeno porte, três funcionários costumam ser suficientes, sendo eles:

  • Dois vendedores: eles devem conhecer os produtos, ter habilidades com vendas e saber atender bem o cliente.
  • Um caixa: é importante ter conhecimentos básicos de matemática, raciocínio lógico e habilidades no atendimento ao cliente. Essa função pode ser alternada com o gerente.
  • Administrador ou Gerente: essa função é exercida normalmente pelo próprio dono, mas dependendo do modelo de negócios, você pode contratar um profissional especializado, somando quatro colaboradores.

Para o último cargo, procure alguém com conhecimentos em gestão empresarial, proativo, capaz de tomar decisões e liderar pessoas.

Ofereça incentivos e benefícios para diminuir a rotatividade de funcionários. Essa iniciativa cria um ambiente de confiança e evita despesas com demissões, recrutamento, seleção e treinamento de novos colaboradores.

Fique atento, pois a folha de pagamentos e os benefícios devem caber no plano financeiro do negócio. Não adianta ter funcionários com altas remunerações e uma linda loja se ela não gerar lucros.

Qual é o investimento na Loja de Materiais de Construção?

O investimento inicial para montar uma loja de material de construção varia em razão de diferentes fatores. Seja por conta de marcas dos produtos no estoque, móveis, decoração e até valor de reforma do ponto comercial.

Portanto, não podemos dizer que você gastará 50, 100 ou 200 mil reais. Afinal, não conhecemos todas as características do negócio em si.

Como sabemos que você precisa de uma estimativa, fizemos uma simulação. Para a base do cálculo, usamos dados aproximados que obtivemos de outros empreendedores do setor e de pesquisas realizadas.

Mas vamos deixar claro: essa estimativa não substitui o planejamento financeiro da sua empresa!

Através do Simulador de Negócios obtivemos uma média de investimento total entre 93 e 120 mil reais. Esse valor está dividido da seguinte maneira:

Reforma e Adaptação do Ponto Comercial

Com reparos, pintura, fachada e adaptações do ponto, a estimativa de gasto é de 7 mil reais.

Móveis e Equipamentos

Mobiliários e eventuais equipamentos da loja de material de construção estão entre os maiores gastos, perdendo apenas para o estoque.

Estima-se que o valor médio de investimento em móveis e equipamentos seja de 14 a 20 mil reais.

Estoque Inicial

O valor de investimento em estoque é o que mais varia de um estabelecimento para outro. No geral, costuma-se gastar entre 50 e 70 mil reais na compra de um bom estoque inicial.

Capital de giro

Para montar uma loja de materiais de construção, é importante descobrir o valor do capital de giro. Ele deve levar em consideração o tempo para receber pagamentos, os prazos de pagamento dos fornecedores e o caixa mínimo.

Na nossa simulação, o valor médio de capital de giro ficou em 22 mil reais.

Mas tenha cuidado, pois o capital de giro necessário pode ser muito maior nesse tipo de negócio.

Imagine que você abriu sua loja e está vendendo 60 mil por mês com prazo para pagamento de 30 dias.

Dessa maneira, você precisa ter capital de giro para bancar 30 dias de vendas. Arredondando para facilitar os cálculos: você precisaria de 30 dias vezes 2 mil de vendas por dia. Isso daria 60 mil de capital de giro.

Por esse motivo, você deve fazer seu próprio plano financeiro para loja de materiais de construção. Com ele, você pode calcular corretamente o valor do capital de giro, ponto de equilíbrio e lucratividade do negócio.

No nosso Simulador de Negócios, basta inserir os números e tudo é calculado automaticamente. Ao final, você tem uma única tela mostrando o valor do investimento, incluindo o estoque e o capital de giro.

Lá você também vê: vendas, despesas e impostos, lucratividade, payback, ponto de equilíbrio e outros indicadores avançados de viabilidade. Excelente caso você precise para mostrar para algum sócio, investidor ou instituição financeira.

Faturamento da Loja de Material de Construção

Uma loja de material de construção estável, com clientela, fatura entre 35 e 50 mil reais mensais bruto.

O percentual de ganho líquido varia de 18% a 20%. Sendo assim, estima-se que sobre no caixa da empresa entre 7 e 10 mil reais.

Dica para vender mais

Diversifique os canais de vendas.

Lojas de materiais de construção trabalham principalmente com venda direta no estabelecimento. Nada impede, porém, que você aumente os ganhos com ações nos canais de vendas.

Para isso, você pode:

  • Criar promoções em redes sociais para a região atendida;
  • Visitar construções na região e deixar o telefone para pedidos.

Invista também em relacionamentos com construtores, mestres de obras e pedreiros.

São pequenas ações, mas quando somadas, geram mais vendas e fazem a diferença na lucratividade da sua loja de materiais de construção.

Montar uma Loja de Materiais de Construção é um bom negócio?

Pode ser um ótimo negócio. Embora exista o desafio de iniciar a loja, quem consegue se estabelecer fica no mercado por muitos anos.

Para aumentar suas chances de sucesso, analise o mercado local e faça um plano financeiro antes de abrir o estabelecimento. Nele, veja se os números de lucratividade, ponto de equilíbrio e retorno do investimento são favoráveis.

Dessa maneira, você correrá menos riscos e atingirá melhores resultados!

Se você gostou deste conteúdo, não esqueça de deixar seu like! Compartilhe também com amigos e familiares que se interessam por criação de negócios, gestão e mentalidade empreendedora.

Precisa de ajuda para montar sua loja de construção? Escreva um comentário ou entre em contato!

Um forte abraço e até breve!

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here