Como montar uma mini fábrica de gelo 

0
122

Sabia que é possível ter sucesso financeiro montando uma mini fábrica de gelo? 

Fabricar gelo é uma excelente forma de ganhar dinheiro com boa margem de lucro em razão da matéria prima utilizada. 

Também, não é preciso uma estrutura extravagante para iniciar e com o tempo você pode escalar facilmente seu negócio e aumentar o faturamento. Inclusive, há quem comece em casa. 

No entanto, as dúvidas como a estrutura, maquinário, margem de lucro fazem com que muita gente deixe a ideia para depois. 

Foi por isso que resolvi montar este post e apresentar uma ferramenta ótima, que eu mesmo uso. 

Com ela você terá acesso a diversos cálculos que são feitos de forma automática, olha que ótimo! 

Dicas de como montar a sua mini fábrica de gelo

Quer montar uma mini fábrica de gelo? Então vamos lá! 

  • Quanto custa abrir uma mini fábrica de gelo 
  • Faturamento e ganhos 
  • Estrutura e máquinas para fabricar gelo 
  • Embalagens 
  • Precisa de funcionários? Quantos? 
  • Produção diária e precificação 
  • Como divulgar o negócio 

Investimento para começar uma fábrica de gelo 

O investimento inicial está diretamente ligado à produção almejada, dependendo disso poderá exigir máquinas mais potentes, o que aumenta o custo. 

Como eu sei que você precisa de uma estimativa para decidir se vale a pena continuar com a ideia e fazer seu próprio estudo detalhado, eu criei um plano financeiro com dados de outros empreendedores e lancei no simulador de negócios. 

A partir disso eu obtive uma estimativa de valores. 

Cuidado, pois os dados que vou te passar são estimativas e não substituem o seu próprio plano financeiro.  

Tem dúvidas de como fazer o planejamento? Vou deixar este vídeo em que dou dicas, acesse e assista!

Sendo assim, o investimento inicial para abrir a mini fábrica de gelo variou entre R$ 65 e R$ 75 mil reais. O valor foi utilizado assim: 

  • Equipamentos: R$ 52 mil reais para fabricação média de 450 kg de gelo por dia e câmara fria.  
  • Outros gastos com abertura da empresa: R$ 4 a R$ 5 mil reais 
  • Capital de giro: R$ 4 mil reais 

O mapa mental e o plano de negócios 

Este é um bônus extra que resolvi te passar. 

Um plano de negócio é o que te conduz ao sucesso. Através dele você consegue reduzir os riscos e evitar possíveis erros. 

Além disso, o plano de negócios também é capaz de ajudar a sua empresa crescer. 

Deixo então este texto para você ler e entender o passo a passo de como fazer o seu plano de negócios e algumas dicas a mais.  

Tenho certeza absoluta que vai ajudar. 

Deixo aqui o Mapa Mental completo para você baixar. No texto acima, você também vai entender por que deve fazer uso de seu mapa.   

Faturamento e ganhos da mini fábrica 

O faturamento girou na casa de R$ 18 a R$ 19 mil reais. A margem de lucro ficou próxima de 50%. 

Sobrou em caixa entre 9 e 9.500 reais depois de pagar todas as despesas do negócio. Mas claro, desse valor é necessário retirar o pró-labore ou salário do proprietário. 

Quer fazer o plano financeiro da sua ideia de negócio com esta ferramenta?  

Por aqui você pode conhecer melhor o simulador

Com ele você insere alguns dados simples da sua ideia e os cálculos são gerados automaticamente.

Ao final, além de uma tela com resumo e gráfico das principais informações, dentre elas, investimento, margem de lucro, capital de giro, ponto de equilíbrio, entre outras, você pode fazer simulações de cenários. 

Por exemplo, qual é o impacto nos ganhos se aumentar 10% no preço dos produtos? E se diminuir 20% na quantidade de vendas? Alterar o enquadramento tributário da empresa é vantajoso ou não? 

E tenho uma boa notícia, de bônus vou deixar este modelo da mini fábrica de gelo para você adaptar, assim não precisa começar do zero. O que acha? Aproveite!

Estrutura e máquinas para fabricar gelo 

O espaço para abrir a mini fábrica pode ser a partir de 55 m². A maior parte do espaço é ocupado pela câmara fria.  

No geral, você vai precisar para começar: 

  • Máquina de fazer gelo 
  • Câmara fria para armazenar 
  • Seladora para ensacar 

Há diversos modelos de máquinas com fabricação diária de 500 kg de gelo por dia, mas nada impede de adquirir 2 máquinas com capacidade de 250 kg. Assim, em caso de problemas em uma delas, apenas diminuirá a sua produção.  

Faça uma análise dos prós e contras. 

Dica importante: avalie o consumo de energia da máquina, afinal, este é um dos principais custos formadores do preço do seu produto. 

Claro, você também pode encontrar máquinas industriais capazes de produzir toneladas de gelo, dessa forma, deixará de ser uma mini fábrica e se torna uma indústria, aumentando bastante o investimento. 

Também precisará de uma câmara fria para armazenar os gelos. 

Para ensacar você vai usar a seladora, basta colocar o gelo no saco, pesar até 3 quilos, ensacar e selar. 

Vou deixar uma lista com equipamentos e fornecedores para baixar, espero que ajude! 

Embalagens de sacos de gelo 

Embalagens simples são vendidas em atacado com um custo médio de R$ 0,25 centavos por unidade.  

Contudo, o valor depende da quantidade e do fornecedor. 

Verifique se é possível estampar a sua marca por um pequeno adicional, é uma boa forma de marketing. 

Preciso de funcionários? Quantos? 

A resposta está diretamente ligada à produção. No caso da mini fábrica do exemplo, um único funcionário para ensacar e auxiliar foi suficiente. 

Considerei que o proprietário exerce a função de vendedor e caixa. 

No entanto, se a produção aumentar, pode ser necessário a contratação de mais 1 funcionário. 

Produção diária e precificação para a mini fábrica de gelo

Considerando o máximo de capacidade da máquina, cerca de 500 kg por dia, é possível produzir aproximadamente 150 sacos de 3 kg. 

Caso sua demanda seja superior pode investir em um equipamento com maior capacidade de produção. 

A precificação deve levar em conta o gasto com água, energia elétrica, embalagens, mão de obra e despesas do negócio. 

Embora o ideal seja precificar levando em consideração todos os fatores, no geral, para fins de média, encontra-se sacos de gelo em atacado por R$ 4,20 a R$ 5 reais, e para o consumidor final entre R$ 6,50 e R$ 8 reais. 

Como divulgar a mini fábrica de gelo

O público alvo principal da mini fábrica de gelo são estabelecimentos comerciais, é o caso de hotéis, mercados, pousadas, restaurantes e bares. Além disso, pessoas físicas também podem adquirir em forma de varejo, complementando a fatia do faturamento. 

Distribuidores e revendedores dificilmente serão seus clientes porque costumam comprar diretamente de grandes fábricas, nas quais o preço tende a ser ainda mais baixo. 

E como divulgar uma mini fábrica de gelo? 

Entrar em contato com estabelecimentos e divulgar o produto, fazer promoções e até mesmo trabalhar com pagamento somente após a venda pelo cliente são algumas das alternativas para iniciar e conquistar os primeiros consumidores. 

Busque por novos atrativos e diferenciais para ser bem visto pelos clientes. 

O ponto positivo é que uma vez conquistado, o cliente se torna um comprador recorrente. 

Cadastrar a mini fábrica de gelo no Google Meu Negócio também é uma boa maneira de divulgar, já que uma das formas comuns de buscar fornecedores de gelos é através de consultas no Google. 

Pensando nas pessoas físicas é possível trabalhar as seguintes estratégias de marketing: 

  • Divulgação nas redes sociais e grupos locais do Facebook e WhatsApp 
  • Boa localização e fachada 
  • Panfletagem 
  • Cadastrar em aplicativos de delivery 

Espero que as minhas dicas para montar a sua mini fábrica de gelo tenha ajudado. 

Deseja montar o seu próprio negócio, mas não sabe por onde começar? Eu te ajudo. 

Deixe seu recado logo abaixo nos comentários ou entre em contato comigo

Ah, e lembre-se de compartilhar este post com todos aqueles que tem o mesmo interesse que você. 

Um forte abraço e até breve! 

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here